quarta-feira, 13 de janeiro de 2016

Esquadrão da Morte [1976]

Yandex 190kbps



Na década de 70, era mais cuidadosa a elaboração artística brasileira, isso sendo na música, no teatro, na literatura, na dramaturgia, no cinema… Nisso, haviam as espetaculares trilhas sonoras, das quais sou vidrado. Em meu acervo tem algumas que recomendo, e desta vez indicarei uma das que mais gosto que é a do filme O Esquadrão da Morte de 1976 – um filme de Carlos Imperial, estrelando Carlos Vereza, Stênio Garcia, etc… Um disco que não é tão fácil assim de se encontrar, tive a sorte de conseguir de um acervo de rádio uma cópia em estado razoável, toca perfeitamente e tem um set primoroso.

Pois bem, a trilha foi composta pelo gênio Zé Rodrix ( exceto a faixa Mundo que é de Zé Rodrix e Carlos Imperial e declamada por Carlos Vereza) e executada por sua banda Agência de Mágicos. Boa parte do repertório é instrumental, com notável influência de trilhas norte-americanas da época – à la 007: cheia de grooves, baladas, climas… Lançado pela gravadora RCA, mesmo Zé Rodrix sendo da EMI Odeon, pela qual foi gentilmente cedido. Linda capa assinada pelo grande ilustrador Benício, a qual também seria a arte do cartaz do filme.

O disco é todo fantástico, uma pedrada atrás da outra, em destaque: Esquadrão da Morte – faixa que abre o disco, uma espécie de tema de perseguição, bem nervosa essa faixa. Assalto, faixa 3 do lado B, uma progressão harmônica de apenas uma sequência, porém, cheia de improvisos jazzísticos – com solos de flauta, trompete, saxofone… E a terceira é a logo após de Assalto, que se chama Esconderijo, esta tem uma pegada bem “groovada”, com um baixo pesado, um moog de fundo e um piano elétrico fazendo a base.

Gostaria muito de assistir o filme, mas o mesmo, não sei por qual motivo, é tão difícil de encontrar quanto o disco.

Então é isso, ta aí minha dica de um disco sensacional que não pode deixar passar quando vê-lo por aí, ouso em dizer que é a melhor trilha que tenho em meu acervo. Vou ficando por aqui, até a próxima com mais um papo sobre meus discos. Forte abraço!


A1 Esquadrão Da Morte
(Zé Rodrix)
A2 Um Homem É Um Homem É Um Homem
(Zé Rodrix)
A3 Chorinho Pro Tio
(Zé Rodrix)
A4 Tema De Amor
(Zé Rodrix)
A5 Bolero De Mangaratiba
(Zé Rodrix)

B1 Motoqueiros
(Zé Rodrix)
B2 Mundo!
(Zé Rodrix/Carlos Imperial)
B3 Assalto
(Zé Rodrix)
B4 Esconderijo
(Zé Rodrix)
B5 Rhumba
(Zé Rodrix)

Um comentário:

  1. Muito bom... Obrigado!
    Não conhecia. Uma verdadeira pérola!

    ResponderExcluir