terça-feira, 23 de abril de 2013

Renato Godá [2008]




Renato Godá é um escritor de músicas endiabradamente românticas. Um cantor que leva ao palco a atmosfera esfumaçada de um cabaré onde o jazz, o folk, o gipsy e a chanson francesa convivem entre a elegância e a vulgaridade.“Não faço cerimônia/Não Sou um bom Partido/Tendo para os vícios/ Posso causar desgosto/Sou um pervertido /Livre leve e solto/ Um vagabundo astuto/ Um vira-lata escroto”. Dessa forma descarada, Godá se apresenta na primeira faixa do disco homônimo lançado pela gravadora Rob Digital. A canção Bom Partido não deixa dúvidas sobre quem é esse paulistano de 38 anos que depois de transitar pelo punk rock e sons eletrônicos no passado encontrou uma sonoridade própria neste que considera seu primeiro disco.


Veja também:
Renato Godá - Canções Para Embalar Marujos [2010]

Nenhum comentário:

Postar um comentário