quinta-feira, 13 de outubro de 2011

Impéria - Em Dias Assim [2011]



Por Reynaldo Trombini


Enquanto algumas novas bandas são adeptas aos diversos subgêneros criados para a música pesada, outras optam por resgatar a real essência do Rock n' Roll através de faixas que primam por arranjos simples e diretos, porém altamente contagiantes.

É com essa ideologia que a banda paulista Impéria, formada em 1996, vem divulgando o seu primeiro registro em estúdio: o disco "Em dias assim" (2011). O material é todo cantado em português, carrega influências de grupos consagrados das décadas de 70 e 80, além de contar com a produção de ninguém menos que Fernando Magalhães, guitarrista do Barão Vermelho.

Faixas como 'Guerra sem sentido' e 'Em dias assim' trazem bases robustas e alguns bons solos das guitarras de Felipe Deliberalli, por exemplo. A sonoridade direta dos paulistas rendeu pontos positivos também para a versátil 'O povo do Caos', aonde os músicos mostram-se competentes mesclando boa melodia com o peso do Rock n' Roll, além de flertes com o Hard Rock.

Bases encorpadas e boa regularidade ao longo das dez faixas tornam agradável a audição de "Em dias assim", tanto que na canção 'Alta dosagem', por exemplo, o quarteto manteve viva a essência do Rock n' Roll, sempre guiado por bons riffs e refrões marcantes. A bela balada 'Dia de Paz', por sua vez, contou com a participação de Fernando Magalhães na guitarra e tem tudo para ser o grande destaque do trabalho!

A animada 'Trilhas Abertas' irá agradar os amantes do Hard Rock e de guitarras bem trabalhadas. Por mais uma vez o guitarrista Felipe Deliberalli roubou a cena e trouxe riffs contagiantes e solos inspiradores! A reta final revelou bons momentos com as faixas 'Eu sou o que eu sou', mantendo o bom nível desde o primeiro ao último minuto de disco.

"Em dias assim" é responsável por revelar ao underground brasileiro uma banda com extrema atitude e que não se deixa levar pelas tendências ou novos estilos que surgem a cada dia. A sonoridade honesta e objetiva feita por Felipe Deliberalli (guitarra), Ricard Ueno (baixo), Flavius Deliberalli (bateria) e Marcio Deliberalli (vocal) transforma o Impéria em um bom nome na cena, afinal, fazer Rock n' Roll com qualidade está em primeiro lugar!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...