quarta-feira, 18 de maio de 2011

50 ANOS A MIL


Acabo de passar no frente de um sebo e me deparo com uma cópia do livro do Lobão: "50 ANOS A MIL". Não pensei duas vezes para comprá-lo. Lobão e Marcelo Nova são duas das figuras mais engraçadas (no bom sentido) do rock nacional. Sua entrevistas são sempre um deleite. Quanto fiquei sabendo do lançamento desse livro autobiografico logo pensei em adquiri-lo, mas quando vi o preço na livraria desanimei. Leitura nesse país infelizmente é algo caro mas ainda bem que existem os sebos e graças ainda mais para as pessoas com grana que não tem medo de comprar esses livros e revende-los no sebo fazendo com que pessoas menos favorecidas, como eu, possam usufruir um pouco da cultura literária.
Bom, sem mais demoras vou começar a ler o livro para depois poder dividir com vocês minha impressão sobre a obra.
Reproduzo abaixo o texto da "orelha" do livro:
"Lobão foi chamado de tudo e recebeu os mais variados diagnósticos. Mas poucos sabem o que realmente é.
Da infância passada sob a sombra da nefrose, de uma mãe superprotetora e de uma história familiar extremamente complicada, passando por choques culturais, influências e amigos, ao período em que foi rotulado como bandido, maconheiro, maluco e iconoclasta, essa autobiografia mergulha fundo na trajetória que levou o menino Xurupito a se transformar em Lobão.
50 anos a mil tem ares de psicodrama, sem deixar de ser cômico, surpreendente e elucidativo. Polêmicas e histórias malcontadas são passadas a limpo pelo próprio Lobão: descobertas, parcerias, drogas, prisões, brigas, amores... As amizades com Cazuza e Júlio Barroso e os encontros inesquecíveis com Nelson Gonçalves, Elza Soares, o Vímana - de Ritchie e Lulu Santos -, Marina e outros tantos nomes da música popular brasileira.
Os bastidores das gravações dos discos, a briga com a indústria fonográfica, culminando com a espetacular campanha da lei numera discos no Brasil e o inesperado recebimento do Grammy de melhor disco de rock de 2007 pelo defenestrado Acústico MTV, em meio a apupos unânimes de toda a imprensa, também estão neste surpreendente livro.
Entre tantas mortes anunciadas e uma improvável capacidade de Lobão de sobreviver e se reinventar, 50 anos a mil é o relato de uma intensa e tempestuosa existência."

2 comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...